Domingo , 25 Agosto 2019
0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura lança, neste sábado (11), a partir das 8h, o projeto Escola sem Muros, na Escola Municipal de Fazenda Coutos (Alameda Mirante Marques de Leão, fim de linha do bairro). Idealizado e coordenado pela Secretaria Municipal da Educação (Smed), o projeto engloba uma série de ações que envolvem órgãos públicos municipais, alunos, professores, coordenadores, gestores, funcionários e, principalmente, a comunidade local, com foco na valorização da escola.

Estarão presentes o vice-prefeito Bruno Reis, o secretário municipal da Educação, Bruno Barral, e o secretário da Sustentabilidade, Inovação e Resiliência, André Fraga. De acordo com Bruno Barral, a ideia é promover a escola como equipamento essencial das comunidades, tanto no aspecto da educação formal, quanto na importância social e local. "Daí o nome do projeto: Escola sem Muros. A ideia é fortalecer os laços entre a comunidade e a escola, construindo, assim, uma consciência de responsabilidade, cuidado e preservação desse bem público", afirma.

Ele explica que estão previstas diversas ações a serem realizadas em um único dia, em mutirão. Além de serviços de melhoria física da unidade, como pintura, limpeza, manutenção, cuidados com o entorno e plantio de árvores, haverá atividades recreativas e pedagógicas. "Esse dia será especial tanto pelos resultados imediatos quanto pela semente que todos estaremos plantando juntos, que é promover uma escola de todos e para todos", diz, enfatizando, também, que a ideia é tornar a escola um espaço de interação, com a realização periódica de ações que envolvam toda a comunidade.

Durante o evento de lançamento do projeto, estão previstas atividades como grafitagem, campeonatos de futebol e tênis de mesa, ginástica, oficinas literárias, apresentações culturais, como fanfarra e conjunto musical de flauta, palestras, atendimento nutricional, atendimento jurídico, entre outros. E muita diversão para as crianças, com contação de histórias, cama elástica, pintura em papel, golzinho, vôlei, basquete, entre outros.

O Escola sem Muros envolve, ainda, o trabalho das secretarias municipais de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra),de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), da Saúde (SMS) e de Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel), além da Companhia de Desenvolvimento Urbano de Salvador (Desal), Guarda Civil Municipal, Prefeitura-Bairro, Codesal, Empresa de Limpeza Urbana do Salvador (Limpurb) e Codecon.

0
0
0
s2sdefault