Sexta-Feira , 22 Setembro 2017

 

Estudante universitário que ainda não se inscreveu no Festival de Música Universitária de Salvador (MUSA) tem até o próximo dia 24 para cadastrar sua música ou a de sua banda no site festivalmusa.salvador.ba.gov.br. As apresentações públicas no Parque da Cidade também foram prorrogadas para os dias 21 de outubro, quando acontece a semifinal, e 22, dia da grande final. Os shows serão realizados a partir das 10h30, no Anfiteatro Dorival Caymmi.

 

O MUSA chega à segunda edição com uma premiação ainda maior e sempre com o intuito de revelar novos talentos através da criatividade musical e irreverência dos estudantes. Todos os universitários da Bahia podem participar do projeto, que foi idealizado, também, para se tornar um espaço de diálogo artístico-musical.

 

Com parceria da Prefeitura de Salvador, através da Empresa Salvador Turismo (Saltur), o festival distribuirá R$ 22 mil em prêmios entre os primeiros, segundos e terceiros lugares nas categorias Música, Intérprete Masculino, Intérprete Feminino, Instrumentista e Banda, além do artista plástico vencedor do designer do troféu MUSA 2017.

 

O que foi um sucesso em 2016 promete ser ainda mais empolgante em sua segunda edição. No primeiro ano, 11 obras foram selecionadas para concorrer ao prêmio de melhor troféu, que teve escolha popular, e 277 músicas foram inscritas no festival.

 

De acordo com o presidente da Saltur, Isaac Edington, Salvador se tornou uma cidade propensa a grandes realizações. Por isso, o festival chega para fortalecer o calendário de eventos da cidade e ocupar um espaço fundamental. “O MUSA chega para potencializar o diálogo e a interação com as universidades e com os estudantes, assim como para engrandecer o cenário da música baiana, trazer o novo e gerar oportunidade. Salvador é culturalmente e musicalmente plural, e o festival nos possibilita enxergar novos talentos”, acrescenta Edington.

 

Processo de seleção - A seleção das músicas concorrentes é realizada em quatro etapas. A primeira é a pré-seleção, onde uma comissão de curadoria, formada pelos músicos Luciano Salvador Bahia, também diretor musical do projeto, Luisão Pereira e pela cantora Cláudia Cunha, escolhe 14 músicas para concorrer diretamente na semifinal.

 

Essa comissão também indica mais oito músicas para a fase “Musa Voto Popular”, que prevê apresentações públicas no Café-Teatro Rubi, no dia 11 de outubro, às 20h. Nessa apresentação, a plateia escolhe as quatro últimas composições que irão para a semifinal do festival, somando um total de 18 concorrentes que se apresentarão no Parque da Cidade, em 21 de outubro, às 10h30, com acesso gratuito.

 

No dia 22 de outubro, segundo dia do festival, acontece, às 10h30, a grande final do MUSA, com a apresentação das 12 músicas já selecionadas. Acontece, também, a premiação das outras categorias. Para encerrar cada noite, o festival traz uma banda convidada, ainda uma surpresa a ser revelada, além da apresentação já confirmada do “Padrinho MUSA”, o músico Pedro Pondé.