Sexta-Feira , 22 Setembro 2017

Entre os dias 13 de setembro e 27 de outubro, a Exposição Fotográfica “Bahia e África através das lentes de Verger”, de Pierre Verger, enfatizará a cultura popular da capital baiana, em Washington DC, nos Estados Unidos. A mostra, gratuita, promovida no Art Museum of the Americas (AMA), faz parte das ações da Embaixada do Brasil nos Estados Unidos em homenagem à cidade do Salvador. Com a temática “A Herança Africana no Brasil e nos Estados Unidos da América”, a cidade foi escolhida para ser homenageada na semana da Independência.

 

A Prefeitura de Salvador, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), apoiou as ações, que contaram com debates culturais no seminário acadêmico na Howard University; e reprodução de filmes como “Capitães de Areia”, “O Coronel e o Lobisomem” e “Cidade Baixa”. Houve ainda recepção oficial, em comemoração ao dia 7 de setembro, realizada na Casa do Embaixador Sérgio Amaral, que recepcionou empresários, diplomatas e congressistas de diversas partes do mundo.

 

Na ocasião, a cidade foi homenageada e apresentada por meio de elementos culturais e gastronômicos. Para o prefeito ACM Neto, esta foi uma oportunidade de a cidade ser projetada internacionalmente. “Agradecemos a deferência da Embaixada do Brasil nos Estados Unidos, em nome do embaixador Sérgio Amaral, que reconheceu o esforço da Prefeitura de Salvador para qualificar a cidade e ampliar a expressão cultural de nossa Terra, fortalecendo o intercâmbio sociocultural, econômico e turístico”, avaliou o prefeito.

 

Gestor da Secult, Claudio Tinoco conta que as ações auxiliam, também, na divulgação de Salvador como destino turístico. “Para a Prefeitura, é uma honra ter a cidade sendo reconhecida em um mercado importante como os Estados Unidos. Sob a orientação do prefeito ACM Neto, enviamos uma equipe para Washington para apresentar e promover a capital, além de incentivar o turismo com viés para a cultura étnica afro-brasileira, que é tão presente em nossa cidade”, afirmou.