Quinta-Feira , 17 Outubro 2019
0
0
0
s2sdefault

Foto: Divulgação

A Unidade de Saúde da Família (USF) Sabino Silva, no Nordeste de Amaralina, receberá neste sábado (27), das 08h00 às 12h30, uma ação conjunta de prevenção e combate às hepatites virais, alusiva ao Julho Amarelo. Diversos serviços serão disponibilizados através de parceria entre a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Hospital Aliança, Fundação Maria Emília, e o Complexo Hospitalar Universitário Professor Edgard Santos (Hupes/UFBA).

No mês destinado à disseminação das informações e combate às hepatites virais, os equipamentos objetivam a realização de 150 atendimentos, com a oferta de testes para hepatites, HIV, glicemia capilar, USG, exames de Fibroscan, além de importantes palestras de conscientização.

“Por serem silenciosas, o diagnóstico das hepatites virais só pode ser feito com a testagem. Por isso, se você tem mais de 40 anos, já teve doença sexualmente transmissível, fez tatuagem em local que não tinha alvará da Vigilância Sanitária, recebeu transfusão de sangue antes de 1994 ou compartilhou agulhas e outros instrumentos como a seringa de vidro, é necessário buscar o rastreamento”, alerta o coordenador da ação, o presidente da Associação Latino Americana para Estudos do Fígado (ALEH) e superintendente médico do Hospital Aliança, Dr. Raymundo Paraná.

As hepatites B e C são endemias em todo o mundo e, no Brasil, atingem cerca de 1 milhão e 1,5 milhões de pessoas, respectivamente.

0
0
0
s2sdefault