Terça-Feira , 16 Julho 2019
0
0
0
s2sdefault

Foto: Divulgação

Líderes mundiais, formuladores de política, especialistas em desenvolvimento de organizações internacionais e servidores públicos ligados à tecnologia participaram, nos últimos quatro dias, do programa de Capacitação Governamental em Desenvolvimento Guiado por Tecnologia. O evento aconteceu em Dubai, nos Emirados Árabes, e foi fruto de uma ação do Banco Mundial e do Ministério de Desenvolvimento de Competências e Empreendedorismo da Índia.

O Brasil esteve representado pelos gestores da área de tecnologia e modernização da gestão de Salvador (BA) e Manaus (AM). O programa de capacitação foi realizado com intuito de fortalecer o uso da tecnologia e de desenvolver habilidades de transformação do ensino e da aprendizagem, através da infraestrutura digital, para prestação de serviços públicos.

Foram discutidos temas como Govtech, Design Thinking, Agenda 2030, Digital identification, Big Data, Integração de Sistemas, Dados Abertos, Segurança Cibernética, Futuro das Políticas Digitais, Revolução das Telecomunicações, Startups, Smart cities - wellbeing city, Inclusão Digital, dentre outros assuntos.

Além da capacitação, os cerca de 2 mil convidados de 130 países participaram da reunião da Cúpula Mundial do Governo (World Governmment Summit), uma oportunidade para as organizações mostrarem inovações de ponta, melhores práticas, além de soluções inteligentes.

O diretor de Modernização e Tecnologia da Secretaria de Gestão, Luis Henrique Gaban, que também é presidente do Comitê de Tecnologia e Inovação da Prefeitura, esteve presente no evento e destacou que o encontro trouxe novos olhares para o futuro por meio de abordagens tecnológicas e inovadoras capazes de alavancar a prestação de serviços públicos aos cidadãos.

“É necessário investir em infraestrutura e em segurança cibernética para facilitar a vida das pessoas. Hoje o que está na tônica em alguns países é que o serviço prestado pelo governo pode ser acessado na palma da mão, com smartphones", pontou Gaban. "Também é fundamental que a gente escute os jovens, porque é pra eles que estamos trabalhando. São essas pessoas que vão desfrutar do futuro”, acrescentou.

O diretor de Modernização e Tecnologia ainda ressalta que pretende estreitar relação com outros governos para troca de experiências em soluções tecnológicas, e que o evento de Dubai foi fundamental para traçar novos rumos para a capital baiana. “Estive no hub de tecnologia de Dubai e presenciei a forma deles de trabalhar. Temos o Hub Salvador (Comércio) e temos total condição de fazer com que ele se torne um dos mais importantes do Brasil”, concluiu.

0
0
0
s2sdefault