Quinta-Feira , 17 Outubro 2019
0
0
0
s2sdefault

Depois de 22 dias funcionando, a vila natalina do Campo Grande encerra a programação na noite desta quarta-feira (26). Desde o início deste mês, quando a Prefeitura instalou a decoração de Natal, o lugar virou parada obrigatória de soteropolitanos e turistas interessados em curtir os atrativos da festa. Neste período, passaram pelo local mais de 600 mil pessoas.

Desde o último dia 4, o espaço funcionou de segunda a quarta, das 18h às 22h, e de quinta a domingo, das 18h às 23h. Até hoje, é possível visitar a Casa do Papai Noel com a presença do bom velhinho. Também funcionam até hoje as barracas de artesanato com artigos típicos do período em diferentes materiais e até em cerâmica, santeiros e espaços para gastronomia. Ao todo, são 16 expositores, sendo oito trabalhando com artesanato e o restante com opções culinárias.

O sucesso da vila foi ressaltado pelo secretário de Ordem Pública, Marcos Passos. “Milhares de famílias com crianças, jovens, idosos, pessoas de todas as idades, foram visitar diariamente o Campo Grande para ver a Casa do Papai Noel e se encantar com toda a beleza da iluminação do local. Além disso, possibilitamos a geração de renda para artesãos e pequenos empreendedores do ramo de alimentação, concedendo gratuitamente o uso das barracas para venderem seus produtos e alimentos, com toda a renda voltada para eles. Muito gratificante ver que a vila natalina marcou a decoração de Salvador. Sem dúvidas, é um sucesso e veio para ficar”, disse.

O diretor de Iluminação Pública, Júnior Magalhães, também avaliou o resultado da vila. “Foi um grande sucesso. Tivemos uma quantidade significativa de permissionários que levaram gastronomia, artesanato e decoração natalina para mais de 600 mil pessoas que foram ao Campo Grande apreciar a iluminação e a Casa do Papai Noel. Hoje nos despedimos da Vila de Natal com tristeza, mas ao mesmo tempo com a certeza de dever cumprindo por termos conseguido levar alegria para milhares de famílias e por termos realizado o melhor e maior Natal da história de Salvador”, frisou.

Quem tem muito a comemorar são os artesãos e empreendedores que puderam vender seus produtos no espaço. O artista plástico Jerônymo Freitas, por exemplo, falou dos excelentes resultados obtidos com as vendas na vila. “Eu só tenho a agradecer porque em 30 anos de profissão eu nunca vendi tantas peças sacras como estou vendendo aqui. Os moradores da região estão descendo, também vendi para todo o Brasil, pois tinha cliente de toda parte do país. Só para um cliente eu vendi 30 peças de Irmã Dulce, que vão para os Estados Unidos. O evento é sucesso, maravilhoso. Eu só tenho a agradecer à Prefeitura pela oportunidade e dizer que esse evento já deu certo”.

Empreendedora da doceria gourmet Minhas Doçuras, Ana Cláudia Lima também ficou satisfeita com as vendas e com a visibilidade da marca ao expor no Campo Grande. “Nós agradecemos muito à Prefeitura por esse espaço, as vendas foram muito boas. Tivemos que produzir diariamente porque vendemos muito todos os dias. Fizemos nossa marca aparecer e isso foi algo muito positivo. Só temos a agradecer”.

Decoração até janeiro – A programação da vila natalina se despede hoje, mas a decoração de Natal segue até o dia 6 de janeiro, bem como o túnel luminoso com som sincronizado, que terá nova trilha, a partir de hoje, voltada para o Réveillon. Outro atrativo que permanece no local são os totens com projeções em realidade aumentada. O usuário deve instalar o aplicativo Natal Salvador no celular, apontar o aparelho para um dos totens e então visualizar uma animação em 3D com o tema natalino.

Iluminação natalina – Contabilizando todos os pontos de Salvador que receberam o projeto de iluminação de Natal da Prefeitura este ano, são mais de 4 milhões de microlâmpadas em LED, com investimento de R$4,5 milhões. O projeto foi executado pela Secretaria de Ordem Pública (Semop), através da Diretoria de Iluminação Pública.

0
0
0
s2sdefault