Segunda-Feira , 18 Fevereiro 2019
0
0
0
s2sdefault

O impacto econômico do Festival Virada Salvador 2019 foi destacado hoje (11) pelo prefeito ACM Neto, em coletiva de lançamento da grade e da operação de serviços montada pelo Executivo municipal para a festa. Um dos dados mais significativos, destacou o prefeito, é a movimentação econômica durante o período, que deve girar em torno de R$500 milhões, principalmente graças ao fluxo turístico - são esperados cerca de 430 mil visitantes durante os cinco dias de festa, entre 28 de dezembro e 1º de janeiro, na Arena Daniela Mercury, na Boca do Rio.

"Isso significa geração de emprego desde para o menor comerciante, como o ambulante, até as cadeias de hotéis, pois a gente espera uma ocupação de até 100% dos leitos ao longo dos cinco dias de festival, que se tornou um dos principais produtos de entretenimento do país", salientou ACM Neto. "Por isso, fazemos uma festa que agrade a todos os públicos. Essa é uma festa que tem uma grande energia, para que Salvador vire 2019 com muita vibração", acrescentou.

Questionado pela imprensa, o prefeito afirmou que o custo para a realização do evento gira em torno de R$10 milhões. Mas frisou que 60% disso é pago pelos patrocinadores, sendo dois deles confirmados hoje: Avatim e Bohemia. A Caixa Econômica Federal deverá ser o terceiro apoiador. "Não vai haver um centavo de dinheiro público (na contratação dos artistas). O investimento da Prefeitura garante a infraestrutura para a realização do evento, importantíssimo para a economia da cidade, a exemplo do transporte, da limpeza, do trânsito e assistência à saúde. Fazemos de tudo para que seja, novamente, um festival tranquilo e seguro, como foi nas outras edições", declarou.

Atrações – Quanto à grade de atrações, ACM Neto salientou que os maiores artistas do Brasil estarão reunidos na capital baiana nos cinco dias de festa. “São artistas para todos os gostos, que vai desde Milton Nascimento a (Wesley) Safadão, do Psirico a Ivete Sangalo, numa quantidade extraordinária de música, de som, de festa e de energia para que a gente possa virar o ano com o pé direito, que o 2019 seja com muito mais vibração para a cidade”, afirmou. Além da grade completa, o dia 1º terá uma atração surpresa, também a ser divulgada em breve, e que se juntará às demais apresentações do dia: Danniel Vieira, Mariene de Castro, Daniela Mercury e Netinho.

Para garantir o conforto e o sucesso do Festival Virada Salvador, um megaesquema municipal de serviços foi montado e envolve áreas como as da saúde, trânsito, transporte, ordenamento do comércio informal, fiscalização da publicidade irregular e assistência social, dentre outras. “Será um evento muito seguro e tranquilo para as famílias curtirem, como Salvador sabe fazer”, afirmou ACM Neto.

Anúncio – Durante a apresentação, foi divulgada uma novidade: assim que for desmontada a estrutura da Arena Daniela Mercury, o local dará lugar às obras do novo Parque dos Ventos, ao lado do futuro Centro de Convenções de Salvador. “Já temos orçamento e empresa escolhida e a intenção é de que as obras de construção do parque sejam iniciadas no início de janeiro”, avisou o prefeito.

0
0
0
s2sdefault