Segunda-Feira , 15 Outubro 2018
0
0
0
s2sdefault

 

 

Mais um trecho de orla será requalificado pela Prefeitura de Salvador, desta vez entre Ondina e a praia da Paciência – um pequeno pedacinho do boêmio Rio Vermelho, que já foi revitalizado e ganhou nova vida. A ordem para o início das obras foi dada nesta segunda-feira (22) pelo prefeito ACM Neto, em solenidade que aconteceu em frente ao Isba, em Ondina. As intervenções fazem parte do eixo Investe do programa Salvador 360.

 

Com investimento de R$ 26,2 milhões, a previsão é de que as obras sejam realizadas em uma única etapa, com duração de um ano. A extensão de 2,6 km entre a Praça Orungan (em Ondina) e o Sukiyaki (Rio Vermelho) terá o mesmo desenho urbano das faixas já reformadas da Barra e Rio Vermelho, com pequenas diferenças. As intervenções incluem a implantação de ciclovia, requalificação de praças, alargamento de passeio, implantação de iluminação em LED e de guarda-corpo.

 

O prefeito destacou, durante a solenidade, que o projeto conta com 80% dos recursos federais. A orla da Barra também teria recursos da União, segundo o prefeito, mas houve problemas enfrentados pela má vontade da gestão Dilma Rousseff. "Teremos, portanto, nove quilômetros contínuos de orla completamente requalificadas, do Porto da Barra até Amaralina, num projeto que prevê soluções de micro e macrodrenagem, iluminação pública, sete praças recuperadas, mudança viária, além da implantação de ciclovias e ciclofaixas, o que garante melhor condição de mobilidade", avaliou ACM Neto.

 

Ele também aproveitou a oportunidade para anunciar que no próximo sábado (27) vai ao Subúrbio inaugurar a requalificação da Rua Almeida Brandão, mais um trecho de orla dos 13 já entregues recuperados. E dentro de alguns dias será apresentado o projeto de requalificação do Humaitá, com lançamento do edital de licitação.

 

Mobilidade - Na região entre o Centro da Aeronáutica e o monumento “As Meninas do Brasil”, também chamadas de Gordinhas de Ondina, haverá intervenções no trânsito, que passará a ter sentido único, com três faixas, na Avenida Oceânica em direção ao Rio Vermelho. Os motoristas que seguirem o sentido oposto, em direção à Barra, utilizarão a via marginal (avenida Presidente Vargas), que será ampliada e contará com três faixas e apenas um lado para estacionar.

 

A mudança vai solucionar problemas antigos do tráfego, inclusive casos de atropelo, devido à entrada de veículos nas avenidas e ruas de acesso ao Jardim Apipema. Todo o canteiro central que separa a avenida Presidente Vargas da Oceânica também será requalificado. O espaço se tornará mais seguro e confortável para pedestres e ciclistas, em continuidade ao conceito adotado pela Prefeitura nos outros trechos da orla da cidade.

 

Além disso, as praças do Instituto Bahiano de Reabilitação (Baía Sol), de Nossa Senhora de Fátima, Luis Sande, das Gordinhas, das Águas, Tarquínio Gonzaga e Espaço da Fonte serão totalmente recuperadas, com pavimentação e áreas de lazer. A parte alta do calçadão da orla entre o IBR e as proximidades do Sukiyaki, atualmente interditada por oferecer riscos aos pedestres, também passará por uma grande requalificação, que envolverá a implantação de ciclofaixa e guarda-corpo, proporcionando mais segurança aos transeuntes.

 

Na área próxima ao restaurante Sukiyaki, onde a avenida Oceânica se estreita, com uma faixa para cada sentido, um imóvel em ruínas será desapropriado e dará espaço para uma baia de ônibus para que o trânsito tenha mais fluidez. Com essa obra, mais o trecho entre o Quartel de Amaralina e o Jardim dos Namorados, cuja empresa que fará o projeto já foi contratada pela Prefeitura, toda a faixa litorânea de 13,7 km entre o Porto da Barra e a Boca do Rio estará requalificada. 

 

Histórico - Com processo iniciado em 2013, o projeto de requalificação e urbanização da orla de Salvador já beneficiou a Boca do Rio, Barra, Rio Vermelho, Jardim de Alah, Itapuã, Piatã, Ribeira, São Tomé de Paripe e Tubarão. Além disso, a Prefeitura já fez ou está realizando a recuperação de monumentos importantes na orla, como o Farol da Barra, que ganhou novo gramado e outras melhorias. A área do Farol de Itapuã e o Morro do Cristo já estão em obras de revitalização.

 

Já a Pituba será presenteada com um centro aquático e uma vila gourmet no Jardim dos Namorados, com obras em andamento. A Praça Wilson Lins já passa por obras de requalificação e será integrada à Praça Nossa Senhora da Luz, além de ganhar a piscina olímpica.

 

Com projeto pronto, a orla de Stella Maris, Praia do Flamengo e Ipitanga ganhará ações diferenciadas que valorizarão a vegetação de restinga do local. Serão implantados um campo de futebol, duas quadras de vôlei, espaço para Yoga e meditação, de apoio para os surfistas, área de skate, ciclovia, trilhas para caminhadas, parque infantil, quiosques de baiana de acarajé e de coco, espaços compartilhados entre ciclistas e pedestres. Além disso, todas as rampas de acesso à praia serão construídas ou reformadas e a região ganhará áreas pergoladas para sombreamento de banhistas.

 

 

0
0
0
s2sdefault