Segunda-Feira , 18 Dezembro 2017

 

 

O verão começa no próximo dia 21 de dezembro e, com ele, estão as altas temperaturas e um maior número de banhistas que desejam curtir um belo dia de sol na praia. Só em Salvador, na estação mais quente do ano, o fluxo de pessoas à beira-mar chega a aumentar pelo menos 25%, segundo estimativa da Coordenadoria de Salvamento Marítimo de Salvador (Salvamar). O órgão, que presta um serviço essencial para a capital baiana ao realizar medidas preventivas, educacionais, de orientação e de salvamento em ambientes aquáticos, recomenda alguns cuidados para quem pretende se divertir no litoral nesse período.

 

“Todas as praias requerem atenção dos banhistas. É imprescindível que o cidadão vá a alguma que possua salva-vidas, pois ele é o único profissional que pode indicar os melhores pontos de banho, onde há corrente, buracos e outros perigos”, orienta o chefe do Setor de Treinamento da Salvamar, Rui Araújo. Historicamente, as praias mais perigosas são Jardim de Alah, Piatã, Jaguaribe, Farol de Itapuã, Flamengo e Aleluia.

 

Para manter o lazer e o banho de mar com segurança, outras orientações incluem evitar ingestão de bebidas alcoólicas e de comida de difícil digestão; não se distanciar da costa, mantendo a água até a linha da cintura; e respeitar as sinalizações na praia que apontem lugares de perigo. Outro alerta é para os cuidados que os adultos devem ter com as crianças. É sempre bom identificá-las com uma fitinha que contenha número de contato do responsável, caso se percam.

 

Estrutura – A Salvamar possui 260 profissionais que fazem uso de equipamentos como moto aquática, pranchões, pés-de-pato, máscaras de mergulho, respiradores e capacetes, para garantir o deslocamento dos profissionais durante o trabalho. São 34 postos espalhados nos 28 km da orla marítima de Salvador – do Jardim de Alah até Ipitanga, na divisa com Lauro de Freitas.

 

As equipes de resgate da coordenadoria passaram por um treino intensivo entre os meses de abril e outubro. Desde novembro, as praias foram reforçadas com o todo o efetivo, como forma de fortalecer as ações na faixa litorânea do município.