Quarta-Feira , 18 Outubro 2017

 

Até o próximo dia 10, uma unidade móvel do Instituto Nacional de Amparo à Pesquisa, Tecnologia e Inovação na Gestão Pública (INTS) realizará mamografias gratuitas para mulheres, no estacionamento da Prefeitura-Bairro Itapuã, localizada na Av. Dorival Caymmi. Denominada de Vida + Rosa, a ação ocorrerá de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h. Serão feitas mamografias para mulheres a partir dos 35 anos, e o atendimento ocorrerá por ordem de chegada. As interessadas deverão levar RG, CPF e comprovante de endereço.

 

Outra unidade administrativa que sediará ações de conscientização, prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama é a Prefeitura-Bairro Cajazeiras, situada na Estrada da Paciência. Nesta terça (3), de 14h30 às 16h, o espaço contará com teste rápido de HIV, hepatite B e C e sífilis, além de marcação de preventivo e solicitação de mamografia. Também serão oferecidos tratamento estético e distribuídos kits de escovação para as crianças. A ação conta com apoio da Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ) e Secretaria Municipal de Saúde (SMS), além de parceria do Hospital Prohope e Mary Kay.

 

Câncer - O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres no mundo, e no Brasil é o segundo mais frequente, depois do de pele não melanoma. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), o câncer de mama responde por cerca de 28% dos casos novos a cada ano. Relativamente raro antes dos 35 anos, acima desta idade sua incidência cresce progressivamente, especialmente após os 50 anos. 

 

O câncer de mama não tem uma causa única. Diversos fatores estão relacionados ao aumento do risco de desenvolver a doença, tais como: idade, fatores endócrinos/história reprodutiva, fatores comportamentais/ambientais e fatores genéticos/hereditários. Segundo o Inca, as mulheres podem reduzir em até 28% o risco de desenvolver câncer de mama, ao adquirir hábito de alimentação saudável e prática de atividade física. Controlar o peso corporal, evitar a obesidade e o consumo de bebidas alcoólicas são outras recomendações básicas para prevenir a doença.